Você quer fazer parte da nossa lista VIP e receber conteúdos exclusivos?

Como vencer a autossabotagem de uma vez por todas em apenas 1 passo muito simples

Escrito por: Áquila Adler em 11/01/2018 - Categoria: Desenvolvimento Pessoal - Atualizado em 11/01/2018 - 8 Comentários
Compartilhe:

Você já começou algum projeto e não teve motivação para concluí-lo? Já inventou desculpas na hora de tomar decisões? Já deixou para amanhã algo que poderia ter feito hoje? Se a sua resposta for sim, você pode ter problemas com a autossabotagem.

Fique tranquilo que nesse artigo eu vou te explicar tudo o que você precisa saber para nunca mais se autossabotar.

Você vai aprender:

  • O que é a autossabotagem;
  • Como ele pode te impedir de conquistar o que você quiser;
  • Quais as possíveis causas;
  • e Qual o único passo necessário para você se livrar dela.

Você está preparado? Vamos para o conteúdo!

O que é autossabotagem

autossabotagem

Autossabotagem é a tendência natural da nossa mente de nos colocar limites, complicações ou problemas quando você decide atingir algum objetivo.

Por exemplo, quando você vai iniciar um novo semestre na universidade ou escola e decide que dessa vez vai prestar atenção nas aulas e ser um bom aluno, mas no segundo dia de aula você já está como antes.

Ou então, quando você decide se tornar um homem mais confiante, mas continua tendo as mesmas atitudes tímidas.

Ou, por último, quando você decide que vai iniciar aquele projeto que você tanto quer iniciar, mas não consegue nem passar da primeira etapa.

Qual o problema de tudo isso?

O problema é que lutar contra essa capacidade de se autossabotar, é lutar contra você mesmo, e essa, de quebra, é a pior luta que você pode ter.

Não parece que existem dois de você aí dentro da sua cabeça? Um que quer conquistar várias coisas e um que quer te impedir?

Afinal, como se questionou Eckhart Tolle no famoso livro O Poder do Agora:

“Não posso mais viver comigo”, pensei. Então, de repente, tomei consciência de como aquele pensamento era peculiar. “Eu sou um ou sou dois?”. Se eu não consigo mais viver comigo, deve haver dois de mim: o ‘eu’ e o ‘eu interior’, com quem o ‘eu’ não consegue mais conviver.” “Talvez”, pensei, “só um dos dois seja real”.

Se você se interessou pelo livro, o Jaya Espaço Corpo fez um resumo muito bom.

Para você entender melhor, a autossabotagem, não é nada mais, nada menos que um recurso dentro da sua cabeça com o objetivo de te impedir de falhar, de não te fazer sair da zona de conforto, em outras palavras… ela é aquela voz que diz “Para quê tentar se você pode falhar e ficar chateado com isso?”.

Os 4 principais tipos de autossabotagem

homem pensativo

Eu vou explicar detalhadamente cada um deles.

#1. Procrastinação

Procrastinar é o ato de você deixar para depois algo que poderia fazer agora.

Por exemplo, quando você pode começar a fazer academia hoje, mas acaba esperando o mês que vem.

Isso acontece porque a sua mente está o tempo todo buscando por conforto e o seu cérebro entende a tarefa que você tem que fazer como algo desconfortável.

#2. Não conseguir concluir o que começa

Esse tipo de autossabotagem é bem comum em pessoas criativas, já que elas tem várias ideias, gostam de começar, mas dificilmente conseguem manter a motivação para terminá-las.

Abrindo um parênteses aqui, essa era a principal causa de eu me sabotar constantemente no passado. No decorrer do artigo eu explico como fiz para resolver isso.

#3. Perfeccionismo

Quando o perfeccionismo te faz desistir do seus objetivos, é importante entender que ele é uma forma de te sabotar também.

Por exemplo, quando você quer gravar vídeos para o Youtube, mas não grava porque não tem o melhor cenário, a melhor câmera, o melhor microfone ou qualquer outra coisa que atrapalhe a “perfeição” do que você quer fazer.

Um outro exemplo que um amigo meu que é desenhista compartilhou, é que muitas vezes ela deixava de desenhar porque não tinha os lápis que precisava e isso fazia com que ele se desestimulasse.

#4. A invenção de desculpas

O último tipo de autossabotagem que vou te explicar é um que acaba agrupando todos os outros, que é o do uso de desculpas.

Explicando melhor, é quando você tem um objetivo e usa de racionalizações ou justificativas para desistir daquilo que queria inicialmente.

Por exemplo, digamos que o seu sonho seja se tornar escritor, mas aí você vê o quanto é difícil e usa a desculpa “Ah, mas eu nem escrevo tão bem assim”.

Ou quando você tem o objetivo de passar no ENEM para Direito e usa a justificativa de “O mercado de trabalho nem está tão bom assim… vou estudar para um curso mais fácil”.

Ou, por último, quando você quer melhorar como homem, que é o objetivo desse site, e você diz “Eu já sou melhor. Não tem porquê melhorar. Eu sou até um cara bom, comparado aos outros.”.

Dentre os autossabotadores, esse é o que você mais deve tomar cuidado, principalmente se estiver procurando ser um homem mais confiante.

Quais as principais causas da autossabotagem

criança séria

Existem 6 principais possíveis causas para você se autossabotar, são elas:

#1. A busca por conforto

O nosso cérebro é estruturado e programado para sempre buscar o conforto, afinal, se tratando dos nossos ancestrais, o desconforto poderia significar a morte.

Então, hoje em dia, nós ainda seguimos esse padrão. Se uma tarefa parece boa, como passar a tarde inteira assistindo Black Mirror na Netflix, a gente faz. Se a tarefa parece ruim, como lavar as louças de casa, a gente tende a evitar.

#2. Baixa autoestima

Ter pouco amor próprio e baixa autoestima também é uma das causas da autossabotagem, justamente porque se você não acredita no seu próprio potencial, vai se achar incapaz de conquistar qualquer objetivo.

Além disso, a falta de autoestima pode te impedir de ser um homem extrovertido, de ter as atitudes de um macho alpha, podendo até mesmo te fazer ficar emocionalmente instável.

#3. Medo de falhar

O medo de errar paralisa qualquer pessoa, ainda mais quando há outras pessoas dependendo de você. Se você for um pai de família, por exemplo, você pode ter medo de sair de um emprego que odeia porque outras pessoas dependem de você.

#4. Falta de motivação

Esse é o problema dos criativos que eu citei logo acima, muitas vezes a motivação te engana. Ela está presente nas etapas inciais do que você está fazendo e logo depois desaparece, ocasionando assim, a autossabotagem.

#5. Ambiente superprotetor

Uma outra causa da sabotagem é ter crescido em um ambiente superprotetor que te faz ter medo ou receio de tentar coisas novas ou correr atrás do seus objetivos, já que para isso, você vai ter que se esforçar e, até mesmo, sofrer, de certa forma.

#6. Os vampiros emocionais

Por último, os vampiros emocionais também podem ser a causa de você autossabotar. Te aconselho a ler o artigo Os 8 Tipos de Vampiros Emocionais: Como Impedir que Eles Afetem a sua Vida e Destruam a sua Autoestima para entender melhor.

Qual o único passo capaz de te curar da autossabotagem

homem confiante

Sim, existe um único passo que pode fazer você parar de se autossabotar e ele é mais simples do que você está pensando.

O único passo é: A partir do momento que você se comprometer a fazer algo, não se permita mais voltar atrás

Tudo o que você precisa fazer é se comprometer a fazer algo e não voltar atrás mais nisso. Como eu disse, é simples, porém não é fácil.

Para isso você pode usar um mediador, que é uma pessoa que vai “cuidar de você” e ver se você realmente está fazendo o que prometeu.

Por exemplo, digamos que você quer ir para a academia, mas não consegue. Nesse caso, você vai conversar com a sua mãe e pedir para ela te “fiscalizar” e brigar contigo se for necessário, para que você vá treinar.

Ou então, se você quer começar a desenhar, mas não se sente motivado para isso, peça para sua namorada te cobrar um desenho por semana, e você tem a obrigação de entregar.

Essa foi a maneira que eu resolvi a minha autossabotagem.

Esse não é um método extremista?

Depende do seu ponto de vista.

Se você achou ele extremista, aconselho a não utilizá-lo, afinal, não adianta se martirizar e sofrer mais ainda.

Agora se você achou interessante a ideia, aplique ela e veja o resultado. Pode, literalmente, mudar a sua vida.

Conclusão – Recapitulando…

No artigo de hoje nós vimos:

  • O que é a autossabotagem;
  • Como ele pode te impedir de conquistar o que você quiser;
  • Quais as possíveis causas;
  • e Qual o único passo necessário para você se livrar dela.

Espero que você tenha gostado!

Até o próximo artigo.

Compartilhe:

8 pessoas já comentaram esse artigo. Não fique de fora, comente também :)

  1. Edivan disse:

    Muito bom, veio em boa hora. Era tudo q eu precisava, vc não tem ideia de como isso me ajudou. Eu me identifiquei sem dúvida alguma. Muito bom, ótimo trabalho, vou colocar em prática. Vlw obrigado 🙂

  2. Diego Silva disse:

    Parabéns pelo artigo!
    Até que enfim um site que me envia conteúdos relevantes em meu E-mail… Obrigado!

  3. Joatan disse:

    Ótimo artigo, amigo. Com certeza muitas pessoas irão se identificar, nem que seja em apenas um dos itens. Eu estou incluído entre essas pessoas. Obrigado por trazer o assunto à tona e procurar ajudar o próximo.

  4. Wagner Barbosa de Lima disse:

    Muito bom, Áquila. Me identifiquei com alguns pontos e estou na luta para vencê-los.

Deixe o seu comentário!











Importante

Todos os padrões de comportamento descritos nesse blog e nas diversas mídias sociais se referem a homens e mulheres héteros adultos; e demonstram como pessoas de diferentes sexos funcionam na maioria dos casos. Não negamos que existam exceções.

Esse projeto não faz apologia ao machismo ou a diminuição de um gênero em relação ao outro, bem como não apoia nenhuma causa política.